O segmento da moda está em constantes mudanças. Por isso, as marcas precisam se reinventar periodicamente para atender às exigências do mercado e às demandas dos consumidores. Uma das tendências da moda procuradas é o fast fashion, que, apesar de estar em alta atualmente, não surgiu só agora.

Neste artigo, vamos falar sobre a prática do fast fashion. Explicaremos o que é e como surgiu essa tendência, além de apresentar como é possível aplicar essa tendência de moda no dia a dia. Por isso, os seguintes tópicos serão trabalhados ao longo do texto:

●       O que é tendência fast fashion?

●       Quais os valores/princípios dessa nova tendência?

●       Fast fashion: vantagens dessa tendência de moda.

●       5 dicas para aplicar essa tendência no dia a dia.

●       Ferramentas para aplicar novas tendências em sua empresa.

Fast fashion: nova e antiga tendência de moda. | Foto: Freepik.

O que é a tendência fast fashion?

O fast fashion, que em português significa moda rápida, é um modelo de negócios utilizado do varejo de moda que abrange desde a criação até a produção e distribuição do produto com o objetivo de responder rapidamente às constantes e frequentes mudanças de tendências de moda e demanda de consumo. Nesse padrão de produção e consumo as peças são fabricadas, consumidas e descartadas com rapidez. 

A prática do fast fashion teve início em 1970 com as grandes marcas da indústria da moda, mas o conceito só foi reconhecido em 1990. Essa foi a maneira que a mídia criou para expressar a alteração cada vez mais veloz da moda por grandes empresas. 

O fast fashion foi criado na Europa por grandes varejistas e foi aderido no Brasil também por grandes redes de varejo. O investimento é na política de produção rápida e contínua de peças. Por isso, a coleção de roupas é trocada a cada nova semana ou até mesmo todos os dias.

Quais os valores/princípios dessa nova tendência?

No modelo tradicional de coleção de moda, a produção do varejo é dividida em duas coleções durante o ano: a moda primavera-verão e a moda outono-inverno. Já no sistema fast fashion, o planejamento de coleção segue as necessidades e tendências que são ditadas pelo consumidor. Por isso, nesse conceito, são produzidas mini-coleções ao longo do ano.

As coleções que no modelo tradicional levam meses para serem elaboradas e confeccionadas. Na tendência de moda fast fashion, as produções são temáticas, refletindo as demandas do consumidor e são rapidamente produzidas e comercializadas. 

A ideia dessa tendência de moda é mais lucro e menos estoque. Como os produtos têm vida curta, os estoques são baixos no fast fashion. Além disso, como estão sempre de olho na novidade na tendência de moda, quem investe nesse modelo abre demanda de produção para as novas coleções que estão sendo pensadas e desenhadas. Assim, não se perde tempo fabricando peças que não serão vendidas.

Seguindo essa mudança no sistema produtivo, as peças são oferecidas com preço mais baixo. Com isso, a indústria da moda fica mais competitiva e mais lucro é proporcionado aos negócios. O objetivo é entregar as últimas tendências de moda em tempo recorde e com preços acessíveis.

Portanto, entre os princípios dessa nova tendência estão:

●       Criação rápida;

●       Marketing rápido;

●       Venda rápida.

Fast fashion: vantagens dessa tendência de moda

Entre as vantagens de aplicar essa tendência de moda no seu sistema de produção estão:

●       Estoque baixo, devido à alta rotatividade das peças;

●       Ciclo de vida curto do produto, o que facilita a venda;

●  Antecipação de tendências que pode ser um diferencial competitivo do seu empreendimento;

●       Renovação constante da vitrine, fator que pode atrair clientela mais diversificada;

●       Diminuição dos riscos, porque como as etapas são mais rápidas, é produzido o que está sendo vendido. Isso reduz o encalhe das peças.

Fast fashion no seu dia-dia | Foto: freepik

5 dicas para aplicar essa tendência no dia a dia

Agora que já apresentamos para você o que é o fast fashion, vamos listar dicas importantes para te ajudar a aplicar essa tendência de moda e mudar sua produção. Veja a seguir.

    Dica 1: Tenha um calendário das semanas de moda para acompanhar os lançamentos internacionais e nacionais;

   Dica 2: Encontre marcas e estilistas que tenham algo em comum com o que você cria para consumir como inspiração;

      Dica 3: Quantas mais vezes você ver um mesmo padrão repetido maior a chance dele se popularizar ou já estar em alta;

    Dica 4: Em cada desfile de alguma coleção que você assistir, anote os pontos que mais se destacaram ao seu ver. Após 3 desfiles, provavelmente, você já deve ter uma lista com elementos que estão se repetindo.

●    Dica 5: Repare nos seguintes elementos: silhueta das peças, cores, estampas, materiais, aviamentos, modelagem, calçados, acessórios, cabelo e make.

Seguindo essas dicas, você conseguirá identificar melhor as tendências de moda e aplicá-las em seu negócio.

Ferramentas para aplicar novas tendências em sua empresa

Para estar mais atento às novas tendências de moda e conseguir aplicá-las em seu empreendimento existem alguns sistemas que podem facilitar a organização e o planejamento da sua produção. Entre as opções disponíveis temos o fashion PLM e o ERP.

Product Lifecycle Management, traduzido para o português como Gestão do Ciclo de Vida do Produto e conhecido pela abreviatura PLM, oferece ferramentas voltadas às necessidades de cada setor do mercado da moda.

Com o compartilhamento de dados avançados e voltados especificamente para cada parte do processo de criação e prototipagem da coleção de moda, o PLM automatiza tarefas simples e possibilita uma análise detalhada de cada etapa do planejamento. Assim, o PLM facilita o trabalho dos colaboradores.

Já o software ERP, que em inglês significa Enterprise Resource Planning ou Sistema de Gestão Empresarial em português, é um conjunto de aplicações de softwares integradas, que permitem automatizar e gerenciar a maioria das etapas de negócios relacionadas a atividades operacionais ou produtivas de sua empresa. Ou seja, além de melhorar a gestão, esse sistema ajuda a sua empresa a se manter competitiva no mercado da moda.

Então, agora você já sabe tudo sobre o fast fashion e como aplicar essa tendência de moda em seu negócio. Lembre-se de que esse modelo de produção renova o planejamento das coleções de sua empresa e ainda garante maior retorno financeiro.

A Umode

A Umode é uma plataforma de moda que auxilia marcas com suas coleções, desde o briefing até os pilotos de modo 100% digital. Sendo assim, conecta dados da matéria-prima ao sell-out, com a finalidade de maximizar a rentabilidade de uma maneira bem mais prática.

Gostou do conteúdo de moda e quer saber mais sobre esse processo de gestão da sua coleção? Acesse o site da Umode e tire todas as suas dúvidas sobre coleção de moda e muito mais!